• Blog
  • A fabricante finalmente revela sua nova patente do carro elétrico com bateria de estado sólido.

A fabricante finalmente revela sua nova patente do carro elétrico com bateria de estado sólido.

22 Novembro 2021

Não é surpresa nenhuma que a Toyota estava trabalhando de forma intensa em uma bateria de estado sólido.

A empresa afirmou há pouco tempo sobre a possibilidade de estrear essa tecnologia em 4 a 5 anos. E até agora, nenhuma novidade, tendo em vista que dentro de 5 anos é provável que várias outras montadoras estejam bem perto de fazer o mesmo. Só que agora, a bomba é que a Toyota teria em seus planos, apresentar o primeiro carro elétrico com bateria de estado sólido, ainda este ano. O modelo contará com autonomia de 500 km e uma carga completa em minutos. E tudo isso sem deixar de lado o compromisso da empresa com o hidrogênio.

.

O anúncio da Toyota, não se limita apenas à venda de veículos inovadores, mas tem impactos ainda maiores. Se observado de outra perspectiva, é possível ver como a chegada do carro elétrico com bateria de estado sólido pode dar ao Japão a chance de ganhar espaço contra a China, que atualmente é um dos maiores produtores de baterias de íon-lítio do mundo.

Também seria possível que a Terra do Sol Nascente voltasse a desempenhar um papel essencial no fornecimento do componente depois de ter sido pioneira neste setor no início do terceiro milênio, como empresas como Panasonic e Sony, até a chegada de gigantes chineses como o CATL.

.

A Toyota estaria pronta para apresentar o primeiro protótipo de carro elétrico em 2022, de acordo com informações da própria montadora. Se comparados com modelos equivalentes que utilizam células de íon de lítio, com uma bateria do mesmo tamanho o carro elétrico percorreria mais do que o dobro da distância com uma única carga.

Sendo assim, os projetistas terão uma maior liberdade, pois poderão utilizar baterias que economizam espaço em modelos menores sem sacrificar a performance. Além disso, também podem criar carros de grande porte como os atuais, mas com uma autonomia superior.

A empresa pediu o registro de 1.000 patentes sobre o tema bateria de estado sólido e, com esta mudança enorme, não apenas eliminará a concorrência, mas também forçará todos os envolvidos a mudarem radicalmente para que as novas demandas sejam atendidas.

De certa forma, o governo do Japão está envolvido na operação da montadora. O Estado já investiu cerca de US $20 bilhões para fomentar a transição energética. Grande parte desse valor foi voltado para buscar novas tecnologias de baterias.

O governo também decidiu apoiar outras áreas ligadas a baterias: a criação das já referidas induzidas e no abastecimento de matérias-primas como o lítio demandado e cada vez mais complicado de encontrar.

Se a Toyota realmente conseguir apresentar um carro elétrico com bateria de estado sólido nos próximos 1 a 2 anos, isso impactaria em todo o mundo da mobilidade sustentável. Entretanto, várias empresas estão se movendo na mesma direção e não é certo que não decidam avançar seguindo exatamente os planos da Casa das Três Elipses.

 

Telefones
11 2017-6262 / 11 2129-6237
Whatsapp
11 95464-1293

FEMAP © 2021 Todos os direitos reservados | Política de Privacidade

Atendimento via Whatsapp

Contato via Whatsapp
Close and go back to page